terça-feira, 29 de maio de 2012

Pão com Sementes de Sésamo e Frutos Secos

É  imprescindível, insubstituível,
Não dispenso a sua companhia,
Quero-o várias vezes ao dia!
Ele demora a se preparar,
É vaidoso e brioso,
Por isso faz-se esperar.
É muito culto e viajado,
Às vezes só, outras acompanhado.
Pelo mundo inteiro é amado!
Dele existem mil descrições...
Uns dizem que é fofinho, branquinho, pequenino;
Outros que é forte, entroncado, pesado!
Há quem o considere, um doce, mimoso, amoroso...
Também o dizem crescido, grande, apetitoso!
É muito mimado, massajado, acariciado...
Com cremes, máscaras e poções besuntado!
Queremos-lo em todas as ocasiões,
Não o dispensamos nos serões.
- Mas afinal de quem estás tua a falar?
- Estou a falar do pão.
-Ah! É sobre o pão!!!
- Claro... de quem havia de ser? Só se fala assim do pão!
Ai! Que pão!!!


A vontade de fazer pão tem vindo em crescendo, cada vez é maior.
Assaltam-me alguns receios, pois este querido amigo tem certos truques que não gosta de revelar!
Não tenho máquinas, tudo passa pelas mãos. O forno é convencional... mas apesar disso lá me vou aventurando, e este até não ficou nada mal!


Ingredientes:
600 g (mais alguma para a bancada)de farinha T65;
3 ovos pequenos (usei de garnizé);
180 ml de leite morno;
1 colher de sopa de óleo;
3 colheres de sopa de açúcar (para ficar adocicado, mas pode ser só uma);
1 colher de café de sal;
25 g de fermento de padeiro;
frutos secos q.b. (nozes, amêndoas, avelãs, sultanas) para rechear;

O Topping
sementes de sésamo q.b. (usei as comuns e pretas);
1 colher de sobremesa de vinagre;
1 colher de sobremesa de açúcar;
1 ovo batido.


Execução:
Peneira-se a farinha para uma taça grande.
Desfaz-se o fermento com um pouco de leite morno.
Abre-se uma cova na farinha e junta-se o leite, os ovos levemente batidos, o óleo, o sal, o açúcar e o fermento.
Vão-se agregando os ingredientes líquidos com a farinha e bate-se bem. A mistura fica peganhenta.
Leva-se a levedar durante 1h30 min.
Enfarinha-se bem  a bancada e verte-se a massa, junta-se um pouco mais de farinha se for necessário até ser possível estender a massa com o rolo.
Recheia-se com os frutos secos e enrola-se como se fosse uma torta. Unem-se os extremos, se necessário pincelam-se com um pouco de leite.


Coloca-se uma folha de papel vegetal sobre um tabuleiro e com cuidado transfere-se para este a argola (eu precisei de 4 mãos).
Pincela-se com ovo batido, ao qual se juntou o vinagre e o açúcar. Salpica-se, generosamente, com as sementes de sésamo. Usem ovo sem receio, o vinagre elimina corta o cheiro do ovo e fica mais dourado e brilhante do que só pincelado com leite.
Deixa-se levedar mais 45 minutos.


Leva-se ao forno pré-aquecido a 180º, até estar bem dourado.


Quente é ótimo... frio também.
Gostei dele simples...


Acompanhado também soube muito bem!


 No dia seguinte ainda estava muito bom!


Não sei como estaria ao 3.º dia, porque já acabou!

28 comentários:

  1. Lenita que delicioso ficou o teu pão, adorei! Quero com essas acompanhamentos todos :)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Lénita, este teu pão ficou lindissimo amiga uma maravilha, adorei!

    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Olá Lenita,
    Passou no teste por não ter passado do 2º dia, é lindo, delicioso e saudável.
    Beijo,
    Vânia

    ResponderEliminar
  4. Não vou deixar passar esta receita! Deve ser delicioso. Vou fazer, depois digo-te.
    Bjs Ana

    ResponderEliminar
  5. Que pão delicioso. Ficou lindo, mesmo perfeito!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. UAUUUU Lenita, este pão ficou mesmo com um ar super apetitoso... agora já marchava uma fatiazinha, para abrir o apetite para o almoço!!
    Bjocas e obrigado pela partilha!
    Cady

    ResponderEliminar
  7. Lenita! Adorei!
    O pão e a poesia!
    Beijos

    ResponderEliminar
  8. Para quem tem receio eu diria que ficaram com óptimo aspecto!!!

    ResponderEliminar
  9. Que maravilha de pão :) Parece complicado fazer pão sem máquina, mas com fotos assim vê-se que não é impossível! Gosto muito desta saga do pão e brioches.
    Beijinhos
    Inês

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por não ter as máquinas fico sempre com receio de não conseguir ter bons resultados, mas lá vou tentando. As minhas avós só tinham as mãos e o seu pão era sublime, tinham era forno de lenha, que acrescenta muito ao paladar.
      Bjs

      Eliminar
  10. Que pão lindo ficou! Sinal que é bom mesmo, pois no outro dia ainda estava perfeito.
    bjs

    ResponderEliminar
  11. Olá Lenita, bom dia!

    Vindo aqui, fico estasiado com seu capricho nas preparações e com o desprendimento na hora de explicar todos os movimentos.

    É muito chique seu Blog, faz-me um bem danado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah! Marbene, só tu para me arrancares uma gargalhada!
      Chique... não, eu diria que é florido!
      Fico radiante com as tuas palavras, eu gosto imenso do teu blogue, e tu sim que explicas tudo com riqueza de detalhes.
      Bjs

      Eliminar
  12. Tanta receita maravilhosa, meu livro de receitas está a ficar cheio!!!!
    Um beijinho Luisa Castro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luisa pões esse caderno em ação!
      Fico feliz que leves as receitas contigo.
      Bjs

      Eliminar
  13. Olá Lenita ! Adorei esta receita, mas as fotos estão lindas ! És maravilhosa ! Parabénspor este teu cantinho maravilhoso.
    Um beijinho especial da Moranguetes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Moranguetes,
      especial é encontrar neste mundo virtual pessoas assim como tu, e todas as que com tanto carinho e gentileza deixam os seus comentários e incentivo. A todas agradeço de coração.

      Um beijo repenicadinho para ti.

      Eliminar
  14. Lenita... olha só que pao maravilhoso, nao ter maquinas nunca me impediu de fazer pao minha amiga... só agora é que eu tenho a bimby (que nao é minha) ....

    Vou levar a receita, é que fiquei completamente apaixonada pelo teu maravilhoso pao!!! tudo de bom... ahhhhhhhhhhh e o poema... lindissimo!!!!!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  15. Um pão rico em sabores e nutrientes :D

    E com esses docinhos ia na perfeição! :)

    PS: Tinha razão sobre a falta da minha visita, e eu gosto tanto do seu blog, é uma grande falha minha :)

    Um beijo!

    ResponderEliminar
  16. uiui se te pego ficas sem nada haaaaa ele esta 5* adorei o interior hummm assim como todos essses doces bjs

    ResponderEliminar
  17. Olá Lenita, vim retribuir sua carinhosa visita ao meu blog e conhecer o seu, estou adorando seu blog, de muito bom gosto e com deliciosas receitas como esse lindo pão. Adoro pães com frutos secos. Achei lindo, e as rosinhas do post anterior são muito delicadas, adorei e voltarei sempre, se quiser volte ao meu será sempre bem vinda. Bjos

    Josy

    ResponderEliminar
  18. Querida Lenita,
    É sempre um grande prazer passar por aqui... Suas receitas e suas apresentações são simplesmente MARAVILHOSAS!!!
    Esse pão ficou LINDO e a apresentação nota mil... Parabéns!!!
    Grande beijo, Irene

    ResponderEliminar
  19. Huuum, fiquei com água na boca. Que delícia!

    Está rolando sorteio de um kit LUXO no blog, não deixe de participar!
    Beeeijo!

    www.blogmundoparalelo.com

    ResponderEliminar
  20. Que delícia e que fotos lindas parabéns beijos

    ResponderEliminar
  21. Este pão parece-me uma maravilha! E com estas compotas então! São umas escolhas muito saudáveis para o lanche ou o pequeno-almoço: o pão para as fibras e os hidratos de carbono complexos; e a compota pela quantidade de fruta que leva! Fazer pão pode não ser muito fácil, mas assim explicado, parece-me acessível! Parabéns

    ResponderEliminar
  22. Que delicia, mesmo a pedir para ser trincado... O aspecto é mesmo maravilhoso!
    beijinho

    ResponderEliminar