segunda-feira, 8 de abril de 2013

Pavlova de Primavera

Ele é leve, frágil, doce e suave como uma caricia.
Rendeu-lhe homenagem a ela, a bela bailarina.
Ela retribuiu com um sorriso radiante, bailando  "En Pointe"!
Ele ficou fascinado pelo seu talento, graciosidade e delicadeza.
"Prima Ballerina", ficarás sempre comigo, a partir de hoje teu nome será meu,
serei para sempre Pavlova!


Este bolo com base de merengue, crocante por fora, bem cremoso por dentro,  tradicionalmente coberto com creme chantilly e decorado com fruta fresca, diz-se ter sido feito pela primeira vez para homenagear a bailarina russa Anna Pavlova, (dai o seu nome), aquando de uma digressão que realizou pela Austrália e Nova Zelândia. Ambos reclamam a sua autoria, sendo a sua origem bastante controversa. 
 A Pavlova está presente nas festas tradicionais destes dois países bem como na Oceania, a sua decoração vai mudando de acordo com a época do ano, e os frutos usados. 
A minha pretende coroar a primavera, fazê-la assumir o seu papel principal no bailado das estações, não a deixar fugir mas ela teima em esconder-se atrás do inverno! 
Pretende também homenagear um menina muito bonita, a querida Mané, linda, delicada e doce, tal como esta sobremesa.


Ingredientes:
Merengue
180 g de claras de ovo (usei 6) à temperatura ambiente;
1/2 colher de café  de sal fino;
300 g de açúcar em pó;
1 colher de sopa de amido de milho;
1 + 1/2 colher de sopa de vinagre de vinho branco;
1 colher de chá de essência de baunilha q.b.

Creme Chantilly com Iogurte 
400 ml de natas bem frias;
250 ml de iogurte natural grego;
100 g de açúcar em pó;
3 folhas de gelatina;
1 colher de café de sumo de limão.

Frutas e decoração
300 g de morangos;
100 g de framboesas;
80 g de amoras;
80 g de mirtilos;
80 g de fisalis;
folhas de hortelã menta;
flores de pessegueiro.


Execução:

Bolo de merengue
Bater as claras com o sal, até ficarem bem cremosas.
Aos poucos adicionar o açúcar continuando sempre a bater.
Juntar o vinagre e a baunilha.
Usando uma espátula envolver o amido de milho no creme.
Desenhar uma circunferência numa folha de papel vegetal com o diâmetro um pouco menor do prato em que se quer servir (lembrar que vai crescer). Desenhar uma circunferência menos ao centro se quiser dar forma de coroa à pavlova.
Colocar a folha sobre um tabuleiro e dispor o merengue. Com uma espátula ou colher elevar um pouco as paredes do exterior, formando uma zona um pouco mais baixa no interior, esta parte irá ajudar a suportar o chantilly.
Levar ao frono, pré-aquecido a 130º, durante 50 minutos. Esta baixa temperatura assegurará um exterior crocante e um interior bem cremoso. Não retirar do forno, arrefe dentro do forno com a porta semi aberta.

Chantilly com Iogurte
Demolhar as folhas de gelatina e escorrer bem. Levar uns segundos ao micro-ondas para derreter.
Bater as natas até ficarem bem cremosas e se verem as marcas das varas.
Adiconar o açúcar, o iogurte, a gelatina e o sumo de limão. Bater um pouco mais.

Montagem
Cuidadosamente transferir o bolo de merengue para um prato mantendo o papel vegetal no fundo.
Cobrir com o chantilly e decorar com as frutas.


Levei-a para um almoço entre amigos e por isso não tenho foto do interior para vos mostrar, que pena!
Imaginem o exterior... é como um suspiro, mas por dentro o merengue é bem cremoso e baunilhado; o chantilly (pouco doce) tinha um suave travo a iogurte grego e depois a explosão de sabor dos diferentes frutos...hum! Tão bom.


Posso-vos dizer que quem provou achou delicioso, com uma boa relação entre o doce e o sabor mais ácido dos frutos silvestres. Não ficou  nem um pouco enjoativo.


Além de ser visualmente bem bonito, este bolo é uma excelente forma de aproveitar as claras de ovos.

Vou levar a "Pavlova de Primavera"  para a festa da Mané, que vai estar em breve a comemorar o 2.º aniversário do seu blogue" O bolo da tia Rosa"  e pediu uma receita com fruta e uma história a acompanhar. Espero que goste.

58 comentários:

  1. Eu adoro Pavlovas e esta tem um aspeto simplesmente delicioso :3 Só um questão, Lenita, que fruto é aquele semelhante àqueles tomates pequeninos? Desculpe a minha ignorância.
    Uma boa semana.

    Ana Mafalda

    Deixo aqui o link do meu novo blog: http://naminhacozinha-5.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Lenita que beleza de pavlova, ficou lindissima e deve estar deliciosa.

    Um beijinho

    Paula

    ResponderEliminar
  3. Oi Lenita,
    Belíssima forma de dar as boas vindas à primavera, A pavlova de primavera está irresistível, que cores, amei.
    Beijo, boa semana,
    Vânia

    ResponderEliminar
  4. Minha querida eu sempre que cá venho perco-me... é uma excelente participação esta e sem dúvida um convite à Primavera.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Olá, boa noite. Estou sem palavras... Esta Pavlova está simplesmente maravilhosa!! É uma obra de arte, parabéns!

    ResponderEliminar
  6. Esta fantástica.
    Tentei fazer uma vez mas acabou no lixo pois parecia uma bolacha.
    Boa semana
    bjs

    ResponderEliminar
  7. Vai gostar com certeza! eu por estes lados estou babando e a tentar imaginar o resto... o sabor espectacular que deve ter!! bjks

    ResponderEliminar
  8. Olá querida!
    Que riqueza! Que linda apresentação, receita perfeita!

    Tenha uma semana super abençoada!
    bjs

    ResponderEliminar
  9. Olá...
    Que excelente aspecto ;).... Beijocas...

    http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Que bela maneira de começar a semana! ;)
    Adoro pavlova e esta está tão primaveril... linda!

    ResponderEliminar
  11. Que delícia Lenita :D Ficou tão bonito :D Já dava aí uma bela trinca :D

    Beijinhos e tem uma óptima semana :D

    ResponderEliminar
  12. Lenita minha amiga,
    Eu que adoro pavlovas até estou para aqui a bailar em frete ao écran com a beleza desta tua maravilhosa bailarina!! Ficou linda amiga. Também fiz uma na Páscoa e tenho de arranjar tempo para a publicar.
    Fantástica e linda que vai ficar na mesa da festa da Mané.
    Beijinhos grandes minha querida,
    Lia.

    ResponderEliminar
  13. Que linda!
    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Tá lindo e muito apetitoso! Adooooooooooro...beijinhos e uma semana abençoada!

    ResponderEliminar
  15. Lenita, ando há tempos para fazer uma pavlova e adorei pavlova. Está linda, colorida. Cheira mesmo a Primavera.

    Aproveito para dizer que apoio a fraude a que foste sujeita. Já partilhei a situação no facebook.

    Um beijo,

    Aida

    ResponderEliminar
  16. Que bolo mais lindoooooo!!!
    Wow!! Acho que eu não conseguiria fazer um igual!! A composição de cima, com cada frutinha e florzinha em seu devido lugar ficou magnífico.
    Parabéns pelo capricho!!
    Adorei conhecer o blog!
    Beijos
    Mel

    ResponderEliminar
  17. Lenita,
    Ficou deslumbrante nas suas cores primaveris, esta pavlova.
    as frutas estão dispostas duma maneira perfeita e consigo imaginar o sabor do seu interior cremoso. Adoro pavlovas, também tenho uma no meu blog, mas mais gulosa :)
    Bjns e bos semana
    Isabel

    ResponderEliminar
  18. É lindíssima, esta tua criação. Parabéns e obrigada por partilhares. Boa semana e beijinhos!

    ResponderEliminar
  19. Bom dia minha linda Lenita

    A tua pavlova esta magnifica, deslumbrante, um verdadeiro charme... Acreditas que eu ando ha muito tempo para tentar experimentar fazer pavlova e ainda nao me decidi faze-la?? tenho mesmo que experimentar... fiquei com agua na boca logo de manha so de ver as tuas fotos... otima participaçao!!!


    Beijocas

    Margarida

    ResponderEliminar
  20. Lenita, até agora, não tive coragem para fazer Pavlova, posi parece-me um pouco complicado.
    A tua ficou maravilhosa e é, simultaneamente, um convite à Primavera, para que se apresente e se permita ficar.

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  21. Que receta más rica y sobre todo, Lenita, que espectacular, su presentación hace que te apetezca comenzar a comerla inmediatamante.
    Besicos

    ResponderEliminar
  22. Linda,linda,linda...mesmo linda!!! É que nem me ocorre dizer mais nada...Linda!
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  23. É uma sobremesa bem colorida e apetitosa!

    ResponderEliminar
  24. ficou absolutamente linda! Adorei a decoração com os frutos e as cores tão primaveris que utilizaste. Está tão bonita que teria pena de lhe cortar as fatias... Ainda bem que fotografaste :)

    ResponderEliminar
  25. Olá Lenita:)

    Também já fiz pavlova de chocolate e todos gostaram. Tenho de experimentar essa versão. Ficou linda como sempre, é uma perdição visitar-te porque saio daqui a babar. Adoro:)

    Boa semana!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  26. Não conhecia a verdadeira receita. Faço uma mais básica, só mesmo para gastar as claras.
    Numa próxima oprtunidade faço esta. Ficou lindo!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  27. Que receita maravilhosa, o aspecto é divinal

    ResponderEliminar
  28. Uma verdadeira maravilha que salta logo à vista! Adorei a decoração :)

    ResponderEliminar
  29. Um belo texto, uma maravilhosa receita e uma homenagem perfeita.
    beijinhos e obrigada por me dar a conhecer a origem de tão requintada sobremesa.

    ResponderEliminar
  30. Que maravilla de pavlova, me ha gustado muchísimo!!!!

    ResponderEliminar
  31. Amiga Lenita.
    Pavlova é sempre muito bem vinda.Ela tem a cara da primavera, ainda mais com essa coroa de frutas espetáculares, só pode mesmo transmitir as sensações do verão que as frutas nos dão.
    Linda apresentação, enche o paladar e os olhos.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  32. ja mt tempo qua hando para fazer uma mas nao tenho tido coraguem mas a tua ela esta 5* b ravo adorei bjs

    ResponderEliminar
  33. Não conhecia a origem :) Que linda que está, ando com vontade de fazer uma;) Esta está irresistível, combina na perfeição com a Primavera;) beijinhos

    ResponderEliminar
  34. Lenita,
    sempre nos trazendo pratos lindos de ver, de ler, e de degustar!
    Os teus morangos estão tão vermelhos e apetitosos... por aqui eles ainda não chegaram.
    Perfeita a tua Pavlova. Pensei que era uma sobremesa russa, pelo menos. Obrigada por nos contar a sua historia.
    Beijos

    ResponderEliminar
  35. Lenita querida,
    adorei a tua pavlova! Está coberta de um manto colorido e primaveril.
    Deve ser fabulosa na textura e depois com tanta fruta boa, só apetece ficar de olhos postos nela, que linda.
    Só fazes coisas lindas!
    A Mané vai adorar e vemo-nos assim na festa! Quero provar :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  36. Lenita,
    está tão bonita a tua pavlova :) Mesmo primaveril (Só é pena que a Primavera não faça jus ao nome)
    Fiquei cheia de vontade de provar um bocadinho :)
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  37. Essa Pavlova me deixa alucinada, preciso provar...
    Fica tão linda e colorida!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  38. Lenita
    Finalmente aqui para te deixar o meu agradecimento público. Vieste à minha Festa com uma "coroa de princesa". MUITO OBRIGADAAAAAA
    Sinto-me especial por receber o teu post. Obrigada
    e Obrigada pela Primavera que trouxeste a estes dias de chuva
    Beijinhoooooo

    ResponderEliminar
  39. Lenita... passando para avisar que hoje estás lá no minha cozinha amiga eheheheh!!! Espero que gostes da entrevista!!!

    VBeijocas


    Margarida

    ResponderEliminar
  40. Bom dia Lenita vi o seu bate papo lá na cozinha da querida Margarida e vim conhecer o seu saboroso cantinho e chegando aqui já me deparo com esta deliciosa tentação, adorei esta Pavlova está linda e com um aspecto delicioso, bjs !!!

    ResponderEliminar
  41. Lenita,
    obrigada pelo comentário lá no blog. Acho que você tem toda razão. Eu já não uso embalagens plásticas para aquecer alimentos no micro-ondas, por este mesmo motivo. Usar o filme plástico na água quente não deve ser mesmo boa coisa. Obrigada por me alertar.
    Retirei todas as referência do meu blog ao referido post.
    Beijos

    ResponderEliminar
  42. olá Lenita vim te conhecer e já estou ficando adorei essa pavlova de primavera bjs Rosinha

    venha conhecer o meu cantinho também

    ResponderEliminar
  43. Lenita querida, eu não conhecia pavlova, mas depois que conheci fiquei apaixonada. Essa tua ficou perfeita, parabéns pelo capricho.

    Bjssssssssss amiga

    ResponderEliminar
  44. Aiiii está tao lindo e tao perfeito que até da pena comer weheheheh :)) ue maravilha, eu nunca me atrevi a fazer!!

    ResponderEliminar
  45. Olá Lenita,
    Adorei o bolo, bonito e bastante apetitoso :)
    Kiss

    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/04/projeto-escolha-do-ingrediente.html

    ResponderEliminar
  46. Sem dúvida uma pavlova muito primaveril e muiiito bonita!

    ResponderEliminar
  47. Olá, que tentação e doce para deliciar os convidados da mesa :)
    Parabéns pelo blogue :)

    ResponderEliminar
  48. Ohhh amiga Lenita, esta tarta es una tentacion y de las grandes¡¡¡¡¡¡¡ besos

    ResponderEliminar
  49. Ai Lenita... ver este post a esta hora mata-me.... acho que conseguia comer metade dessa pavlova... LOL. Linda mesmo e as fotografias nem se fala... :)
    beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  50. Bem, isto não é uma pavlova mas sim uma obra de arte.
    Ficou fantástico!!
    Parabéns Lenita, estou rendido a esta pavlova. ;)
    Beijinhos

    Jota
    http://searchncook.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  51. Oi Lenita, que coisa mais linda essa pavlova.Essas frutas tão bem arrumadas por cima deram um charme todo especial.Arrasou.Beijos querida

    ResponderEliminar
  52. Também fiaste aqui https://www.facebook.com/photo.php?fbid=541470035903705&set=a.443923212325055.17754785.443721845678525&type=1&theater

    ResponderEliminar
  53. Com um beijinho informo que também ficaste aqui
    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=541470035903705&set=a.443923212325055.17754785.443721845678525&type=1&theater

    ResponderEliminar
  54. Que linda! Fiz uma de chocolate e fiquei fã também.
    Beijinhos

    ResponderEliminar